EQUIPA DE COORDENAÇÃO E DOCENTES

O programa OpenSoc é coordenado por uma comissão onde estão representadas todas as faculdades e institutos associados:

O corpo docente e de investigação disponível para lecionar e orientar teses é altamente qualificado e muito diversificado, sendo composto por toda/os a/os docentes e investigadora/es das faculdades, institutos e centros de investigação associados no programa.

Apresentamos aqui os membros das equipas responsáveis pela organização dos seminários em 2022/2023.

Além destes, um conjunto mais alargado leciona sessões específicas em vários dos seminários e presta acompanhamento tutorial ao desenvolvimento dos projetos.

  • Maria João Nicolau Santos (ISEG-ULisboa): Seminário Avançado em Sociologia II
  • Marta Varanda (ISEG-ULisboa): Seminário Avançado em Sociologia I
  • Mónica Trüninger (ICS – ULisboa): Debates Teóricos Contemporâneos
  • Paula Campos Pinto (ISCSP – ULisboa): Seminários de Investigação I e II
  • Raquel Rego (ICS – ULisboa): Seminários Avançados em Sociologia I e II
  • Rosalina Costa (IIFA – UÉ): Métodos e Técnicas de Pesquisa Qualitativa, Seminário de Investigação IV
  • Rui Santos (NOVA FCSH), Seminários de Investigação I e II, Seminário Avançado em Sociologia I, Métodos e Técnicas de Pesquisa Qualitativa
  • Sofia Aboim (ICS –ULisboa): Metodologia da Investigação
  • Vanessa Cunha (ICS – ULisboa): Seminário de Investigação III
  • Vasco Ramos (ICS – ULisboa): Seminário de Investigação III
  • Vítor Sérgio Ferreira (ICS – ULisboa): Métodos e Técnicas de Pesquisa Qualitativa, Seminários de Investigação I e II
DOUTORAMENTOS CONCLUÍDOS

 

TESES EM CURSO

  • André Tropiano, Universidade pública em tempos de neoliberalização: Narrativas e ativismos políticos em disputa no Brasil, orientado por Ricardo Campos (NOVA FCSH)
  • Andreia Nascimento, Para além do Ensino Secundário: Autonomia juvenil e mobilidade na construção dos projetos de vida ligados ao Ensino Superior, orientada por Maria Manuel Vieira (ICS – ULisboa)
  • Aurora Ribeiro, Comunicação entre ciência e poder no processo de decisão sobre o mar nos Açores: Sustentabilidade, alterações climáticas e inovação em contexto de autonomia, orientada por José Luís Garcia (ICS – ULisboa)
  • Camila Costa Feijó, Quem constrói as cidades inteligentes? Uma análise da participação cidadã na regeneração urbana para a inclusão social em Rio Grande (BR) e Lisboa (PT), orientada por Roberto Falanga (ICS – ULisboa)
  • Carla Nogueira, As comunidades sustentáveis como laboratórios de inovação social: Análise de modelos europeus para uma transição sustentável, orientada por João Filipe Marques (FE – UAlg) e Hugo Pinto (CES – UCoimbra)
  • Catarina Moreira, Constrangimento e negociação na conjugalidade, orientada por Manuel Lisboa (NOVA FCSH)
  • César Morais, Aspirações e estratégias perante o trabalho entre finalistas do ensino superior: O caso ibérico, orientada por Miguel Chaves (NOVA FCSH)
  • Clara Vital, A população portuguesa e o álcool: Convergência de género? Orientada por Casimiro Balsa (NOVA FCSH) e Cláudia Urbano (NOVA FCSH)
  • Clarissa Santana, Mobilidade Internacional de Estudantes entre países do Sul Global: Os casos dos cabo-verdianos e guineenses que estudaram no Brasil, orientada por Simone Frangella (ICS – ULisboa)
  • David Cruz, Between Involuntary Childlessness and Childfree: Representações e produção de significado dos millennials sem filhos em Portugal, orientado por Vanessa Cunha (ICS – ULisboa), coorientado por Sérgio Moreira (FP – ULisboa)
  • Eduardo Lima, Para além dos unicórnios: Entre fachadas e bastidores das vidas nas startups, orientado por Vítor Sérgio Ferreira (ICS – ULisboa)
  • Eugénio Gujamo, A construção da opção da circuncisão médica e a prevenção do VIH/SIDA entre os homens moçambicanos, orientado por Ana Patrícia Hilário (ICS – ULisboa)
  • Fábio Augusto, Iniciativas de apoio alimentar: A visão dos voluntários e dos beneficiários, orientado por Mónica Trüninger (ICS – ULisboa)
  • Francielli Cardoso, Class and everyday life: Lived experiences of lone mothers in Portugal, orientada por Vasco Ramos (ICS – ULisboa)
  • German Orejarena, La construcción de normas y desviaciones en la policía comunitaria: un estudio etnometodológico en el contexto rural de Portugal y Colombia, orientado por Daniel Seabra Lopes (ISEG – ULisboa)
  • Hélia Alves, A vitimação de jovens em Portugal: Experiências autorrelatadas, orientada por Dália Costa (ISCSP – ULisboa)
  • Henrique Tereno, Building the Animal: Processes of categorization of nonhuman animals in children, orientado por Verónica Policarpo (ICS – ULisboa)
  • Joanna Muniz, As redes institucionais para o acolhimento de requerentes de asilo e pessoas em situação de refúgio: Um estudo comparativo entre Portugal e Brasil, orientada por João Peixoto (ISEG – ULisboa)
  • Jorge André Guerreiro, Tourism gentrification and anti-tourism sentiments: A comparative study in three Portuguese cities, orientado por Simone Tulumello (ICS – ULisboa)
  • José Maria Carvalho, Experiência criativa artística e modalidades de subjetivação em contextos arte-terapêuticos, orientado por José Manuel Resende (IIFA – UE)
  • Juliana Rodrigues, Mulheres conectadas: Um estudo do feminismo digital a partir de youtubers brasileiras, orientada por José Alberto Simões (NOVA FCSH)

 

 

 

 

 

  • Leonor Castelo, O Programa Eco-Escolas em comunidades educativas portuguesas: Affordances e constrangimentos ao desenvolvimento de competências para a ação, orientada por Luísa Schmidt (ICS – ULisboa)
  • Lucas Freitas, Desenvolvimento e sustentabilidade no contexto urbano: implementação e governança do ODS 11 em cidades no Brasil e em Portugal, orientado por João Guerra (ICS – ULisboa)
  • Madelon Schamarella, Rapazes e a construção da(s) masculinidades(s): O lugar do cuidado nas identidades, nas práticas e nas perspetivas de futuro, orientada por Vanessa Cunha (ICS – ULisboa)
  • Mafalda Nunes, Co-creating our cities: A relational approach to policy mobility in culture-led urban regeneration, orientada por Roberto Falanga (ICS – ULisboa)
  • Mariana Souto Maior, A construção do género pelo grupo de pares de jovens, orientada por Maria Manuel Vieira (ICS – ULisboa) e Dália Costa (ISCSP – ULisboa)
  • Maria Eduarda Pires, Encontros de inclusão: A relação entre a criança com deficiência e o cão em contexto de Terapias Assistidas por Animais, orientada por Paula Campos Pinto (ISCSP – ULisboa)
  • Matthew da Silva, A migratory triptych: Transnational memory, return mobilities & sensory acclimation for Portuguese-Canadians, orientado por Marta Rosales (ICS – ULisboa)
  • Melissa Battistella, Direitos das Mulheres e a atuação das Deputadas Federais da 56ª legislatura brasileira, orientada por Paula Campos Pinto (ISCSP – ULisboa)
  • Nádia Nunes, Veganismo e identidade: Reflexividade e sentido prático no domínio do consumo ético,  orientada por Mónica Trüninger (ICS – ULisboa)
  • Natasha Sagardia, Soberania racional? Perspectivas sobre la utilidade del conocimiento en la construcción del bien común desde la cotidianeidad, orientada por Ana Nunes de Almeida (ICS – ULisboa) e Rui Santos (NOVA FCSH)
  • Paula Paiva, Qualidade de vida na velhice a solo em meio rural, orientada por José de São José (FE – UAlg)
  • Rafael de Macêdo, Escolha e desigualdade: Os processos de tomada de decisão no destino dos jovens no ensino médio do Instituto Federal de Brasília, orientado por Vítor Sérgio Ferreira (ICS – ULisboa)
  • Rebecca Judeh, Understanding gender and emotion socialization at school: How do gender stereotypes, roles, and expectations intersect with emotions?, orientada por Dalila Cerejo (NOVA FCSH)
  • Rodrigo Cruz, Gays conservadores: O ativismo homossexual nas redes da nova direita brasileira, orientado por José Alberto Simões (NOVA FCSH)
  • Tatiana Pita, Gender divide in the expanding ICT sector, orientada por  Raquel Rego (ICS – ULisboa)
  • Valério Carvalho Filho, Segurança, mudanças e articulações: o policiamento de proximidade entre o Estado e a Comunidade, orientado por Daniel Seabra Lopes (ISEG – ULisboa)
  • Vanda Gorjão, Deputadas portuguesas antes da «democracia paritária» (1975-1987), orientada por Manuel Lisboa (NOVA FCSH)
  • Vivaz Bandeira, O movimento pelos direitos das pessoas com deficiência em Angola: O caso das Associações de Pessoas com Deficiência de Luanda, orientado por Paula Campos Pinto (ISCSP – ULisboa)
  • Ytallo de Souza, O Santo, o Rei e o Encantado: Um estudo sobre o sebastianismo na Amazônia Brasileira, orientado por Nuno Domingos (ICS – ULisboa)

ESTUDANTES

Desenvolvem ou preparam no OpenSoc os seus projetos de tese de doutoramento em Sociologia.